PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

PONTO DE PARTIDA (PÁG.1)
Reflexões sobre temas desafiadores e essenciais


ENTREVISTA (PÁG. 4)
Regina Parizi "As mulheres precisam aceitar mais desafios"


CRÔNICA (PÁG. 10)
Não estou a seu serviço


VANGUARDA (PÁG.12)
Novos avanços no tratamento do câncer


CONJUNTURA (PÁG.16)
A escravidão não acabou


DEBATE (PÁG.20)
Somos o país mais corrupto do mundo?


SINTONIA (PÁG.26)
A doença como metáfora


HOBBY (PÁG. 30)
Todas as cores do mar


GIRAMUNDO (PÁG.34)
Arte, genética e ciência


PONTO COM (PÁG.36)
-


CULTURA (PÁG. 38)
Kobra, muralista internacionalmente reconhecido, começou fazendo grafites


TURISMO (PÁG. 42)
Santiago de Compostela


CARTAS E NOTAS ( PÁG. 46)
-


MÉDICOS QUE ESCREVEM (PÁG. 47)
Retrato da vida


FOTOPOESIA (PÁG. 48)
Em tudo nela brilha e queima


GALERIA DE FOTOS


Edição 82 - Janeiro/Fevereiro/Março de 2018

PONTO COM (PÁG.36)

-

Obsolescência programada

Já sentiu aquela sensação de impotência ao comprar um smartphone que em breve estará ultrapassado? Pois saiba que as empresas fabricantes desses aparelhos, entre elas Apple e Samsung, estão sendo investigadas pela justiça italiana por “obsolescência programada”. Segundo a agência noticiosa Reuters, ambas são acusadas de fabricar seus aparelhos com data marcada para terem problemas ou defasagens, forçando o consumidor a comprar versões mais recentes dos produtos. Até o momento, a Samsung e outras fabricantes de celulares com sistema Android negaram as acusações.

 

Código secreto

Pesquisa realizada por uma empresa especializada em estratégias digitais revelou que a hashtag “Borboletana” – que nasceu e se propagou no Twitter – é um código secreto de jovens que apoiam a anorexia. A pesquisa foi feita para analisar a comunicação em temas de saúde e monitorou a rede social social durante um mês, descobrindo vários códigos e hashtags usados para falar sobre a doença. Foram 28 mil menções de 11 mil meninas, entre 12 e 20 anos, contando detalhes do que fazem para se manter magras. Os tweets alcançaram 1,7 milhão de pessoas no Brasil.

 

Sem confirmação

Curioso para ler uma mensagem do WhatsApp, mas ainda não quer confi rmar sua visualização com aquele tique azul? Há um recurso para isso nos dispositivos Android, como já ocorre nos iPhones. O processo é razoavelmente simples, basta ativá-lo. O passo a passo, segundo o site https://tecnologia.uol.com.br, é:

  

1) Na tela inicial, toque e segure em um espaço vazio. Clique em “Widgets”, na parte inferior da tela.

2) Deslize o dedo da direita para a esquerda até encontrar o widget do WhatsApp e toque nele.

3) Toque e segure a opção “WhatsApp 4x2”.

4) Arraste para a parte da tela que deseja e solte.

5) Ao soltar, a caixa fi cará com uma borda azul. Caso queira alterar seu tamanho basta direcionar as bolinhas ao redor para o que deseja. Depois toque em qualquer lugar da tela para fixar.

6) Para abrir uma conversa, clique sobre ela.

 

Aplicativos que facilitam a vida

Nem todos os aplicativos de computadores,smartphones ou tablets são realmente úteis, mas alguns ajudam bastante o dia a dia de seus usuários. A revista Galileu fez uma enquete entre seus leitores sobre quais dispositivos consideravam melhores. Dentre os vencedores, estão:

• Recuva: recupera arquivos deletados, como documentos, músicas, fotos etc., se novos
arquivos ainda não foram sobrepostos aos cancelados.
Wolfram Alpha: funciona como mega calculadora e enciclopédia de ciências exatas
e humanas. Ajuda na resolução de equações matemáticas, fórmulas de física, questões de astronomia, nutrição e até música. Tem versão gratuita e paga.
Pocket: armazena arquivos, fotos, vídeos etc., que o usuário não quer perder quando está navegando na internet. Gratuito, funciona de maneira integrada com redes sociais e outros dispositivos.

“Mete a colher”

Com referência ao ditado “em briga de marido e mulher ninguém mete a colher”, um grupo feminino de Recife (PE) criou o aplicativo Mete a Colher, com o objetivo de ajudar mulheres a combater a violência doméstica e sair de relacionamentos abusivos. Tudo é feito de maneira anônima, a fi m de criar um ambiente mais protegido que as redes sociais. “A gente acredita que violência doméstica é um problema de toda a sociedade, e que precisamos nos envolver, em vez de assistir caladas a situações de abuso”, afirmam as responsáveis pela ferramenta digital, cujo endereço é: https://www.meteacolher.org/

Eles estão chegando

Os carros autônomos estão chegando às ruas. Já não são mais fi cção nem modelos experimentais. Segundo a empresa francesa Navya, nos próximos meses 15 unidades
do Autonom Cab, já vendidas, serão utilizadas como táxi-robô em cidades da França, Austrália, Canadá e Estados Unidos. O anúncio foi feito durante a maior feira de tecnologia do mundo, a Consumer Electronic Show (CES) de 2018, realizada no início deste ano em Las Vegas, nos EUA. O Cab não tem volante, mas tem programa de controle, sensores, radares, espaço para até seis passageiros e telas multimídias. A mesma empresa lançou, recentemente, o Autonom Shutle, pequeno ônibus, também autônomo. Cerca de 60 deles já estão rodando em aeroportos, parques e resorts. Na CES 2018, 2.500 pessoas experimentaram ambos os modelos. No Japão, outra empresa, a DeNa, trabalha para criar uma frota de táxis-robô para as Olimpíadas, em Tóquio, em 2020.

Colaboraram: Ariane Bertolino e Julia Martins


Este conteúdo teve 760 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

Delegacia da Vila Mariana:
Rua Domingos de Moraes, 2187 - cj. 223 - Edifício Xangai
Vila Mariana – São Paulo/SP - CEP 04035-000

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS

CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2018 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 124 usuários on-line - 760
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior