PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

PONTO DE PARTIDA (SM pág. 1)
Cremesp e Uniad, à frente do Movimento Propaganda Sem Bebida, levam à Brasília 600 mil assinaturas pela aprovação do PL 2733


ENTREVISTA (SM pág. 04)
Acompanhe uma conversa franca e informal com o presidente do CNPq, Marco Antonio Zago


CRÔNICA (SM pág. 08)
A síndrome da hipocondríase dos terceiranistas de Medicina comprovadamente existe... por Moacyr Scliar


MEIO AMBIENTE (SM pág. 10)
A (difícil) convivência da nossa saúde - física e mental - com o trânsito caótico da cidade


SINTONIA (SM pág. 15)
A omissão terapêutica a pacientes terminais sob o ponto de vista jurídico


DEBATE (SM pág. 18)
Em discussão a relação do médico com o adolescente. Convidadas: Maria Ignez Saito e Albertina Duarte


COM A PALAVRA (SM pág. 26)
Chamado de bruxo do Cosme Velho, Machado de Assis é analisado por José Marques Filho


HISTÓRIA (SM pág. 30)
Arquivo histórico da Unifesp: acervo surpreende pela diversidade de peças e documentos


ACONTECE (SM pág. 32)
Engenhocas de muita utilidade e outras nem tanto assim... confira as idéias patenteadas do Museu das Invenções. Ele existe!


CULTURA (SM pág. 35)
Exposição de Pets gigantes às margens do Rio Tietê conscientiza sobre preservação da água


GOURMET (SM pág. 38)
Prepare a mesa: você vai saborear um cuscuz marroquino fácil (mesmo!) de fazer


TURISMO (SM pág. 42)
Tranquilidade, coqueiros à beira-mar, belas praias e paisagens. Agende sua próxima viagem de férias para este paraíso...


POESIA
Gregorio Marañon, médico e escritor espanhol, fecha esta edição com simplicidade e emoção...


GALERIA DE FOTOS


Edição 43 - Abril/Maio/Junho de 2008

GOURMET (SM pág. 38)

Prepare a mesa: você vai saborear um cuscuz marroquino fácil (mesmo!) de fazer

Cozinheira titular 


Dermatologista que adora cozinhar para a família
faz um menu completo para
Ser Médico

Cozinheira “titular” da família e professora titular de Dermatologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Valéria Petri desenvolve as duas atividades na vida com o mesmo empenho. “A cozinha ajuda a abstrair depois de um dia de trabalho”, ensina. Valéria vive sozinha em um apartamento no bairro de Moema, na Capital paulista. Dois andares acima vive sua única filha, o genro e a neta Glória, de sete anos, que quase todos os dias descem para um delicioso jantar familiar preparado pela médica. Mais do que saborear as suas receitas, ela gosta mesmo é de agradar a família. “As pessoas marcam sua existência na família por algo especial que fazem no dia-a-dia”, ensina. Ela quer ser lembrada pelos pratos que prepara. Para Valéria, cozinhar é uma arte e um gesto de amor.  “É como pintar um quadro, só que se transfere muito mais através da alimentação, você transmite afeto”, diz.

Aos 60 anos, a dermatologista divide seu dia entre a Unifesp e o consultório que mantém no bairro de Moema. A noite geralmente é reservada para 
a culinária. Valéria – que já fez alguns cursos sobre o assunto – possui uma cozinha pequena mas muito funcional, desenhada especialmente para ela por uma jovem arquiteta de interiores, filha de uma paciente. Nos armários e prateleiras há uma invejável coleção de panelas e todos os apetrechos de uma autêntica chef de cozinha.

Das inúmeras viagens que fez a várias partes do mundo, reuniu uma considerável coleção de livros de gastronomia, além de ter aprendido a usar uma grande variedade de iguarias e temperos exóticos. Ela mostrou para a reportagem uma das raridades de sua biblioteca gastronômica, um livro com algumas receitas que eram servidas ao rei Luis XV da França. Aliás, a cozinha francesa está entre as suas preferidas, junto com a espanhola e a italiana, mas ela não dispensa os paladares da culinária asiática.

Como o seu genro é francês, aprendeu com ele algumas receitas que prepara para a família. Quem mais desfruta de suas delícias é a neta Glória. A vovó coruja prepara sobremesas maravilhosas que ela procura ajudar a fazer. Valéria abriu a sua casa para executar um jantar completo, composto de quatro receitas para a revista Ser Médico.  Entre lambidas e dedos nas panelas, Glória acompanhou tudo e ajudou a avó.

Confira a seguir.

1) Entrada

CREME DE MORANGA ASSADA

Ingredientes:
• ½  moranga (ou ½ abóbora) em cubos sem casca 
• 2 colheres de sopa de azeite de oliva
• 1 copo de leite
• Sal, pimenta, noz moscada e canela em pó a gosto

Modo de preparo:
Enrole os cubos de moranga em papel alumínio, deixando uma pequena abertura para evaporação e coloque para assar por 35 minutos. Misture a moranga com o leite, tempere com sal, pimenta, noz moscada, canela e bata tudo no liquidificador ou com o mixer. Coloque essa mistura em panela com azeite quente e vá mexendo até ferver e obter uma textura de creme. Deixe esfriar e sirva.

Dica: Pode ser acrescentado champignon fresco cortado em fatias.

2) Prato principal

MAGRET DE CANARD COM CUSCUZ MARROQUINO

Ingredientes:
• 1 peito de pato cortado em fatias
• 1 cebola roxa (échalote)
• 1 colher de sopa de manteiga
• ½  copo de vinho tinto
• Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Corte o peito de pato em fatias de um centímetro mais ou menos e tempere com sal e pimenta. Corte a cebola em fatias finas.  Em uma frigideira bem quente, coloque a manteiga e, em seguida, o peito de pato para dourar. Depois,  despeje o vinho e, por último, as fatias de cebola. Refogue por mais dois minutos e sirva quente, com cuscuz marroquino.

CUSCUZ MARROQUINO

Ingredientes:
• 1 xícara de cuscuz marroquino
• 2 xícaras de água salgada
• 1 colher (sopa) de manteiga
• 1 colher (sopa) rasa de azeite de oliva

Modo de preparo:
Ferva duas xícaras rasas de água salgada, acrescente uma xícara de cuscuz e, depois de cinco minutos, retire do fogo mexendo bem, colocando uma colher de sopa de manteiga e uma colher de sopa rasa de azeite de oliva.

3) Sobremesa

MAÇÃS ASSADAS COM IOGURTE E XAROPE DE ROMÃ

Ingredientes:
• 4 maçãs vermelhas
• 3 colheres  de sopa de açúcar mascavo
• Canela a gosto
• 1 limão siciliano
• Raspas de limão
• 1 copo de iogurte natural
• Xarope de romã

Modo de preparo:
Descasque as maçãs, corte em quatro pedaços cada uma, coloque tudo numa travessa de cerâmica, acrescente três colheres de sopa de açúcar mascavo, canela, suco de um limão siciliano e raspas de uma parte das cascas. Leve ao microondas por vinte minutos. Retire, mexa com uma colher de pau, acrescente o iogurte natural e, por último, o xarope de romã. Sirva quente, com sorvete ou nozes pecan.

Fotos: Michele Mifano


Este conteúdo teve 45 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2019 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 268 usuários on-line - 45
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior