PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL (JC pág. 2)
Cremesp questiona ranking dos melhores médicos divulgado pela mídia


ESPECIAL 1 (JC pág. 3)
Emenda Constitucional 29 é aprovada pela Câmara Federal


ATIVIDADES (JC pág. 4)
Programa de Educação Continuada deve fechar o ano com número recorde de participantes!


DIA DO MÉDICO (JC pág. 5)
No mês de outubro, Cremesp homenageou médicos com 50 anos de profissão, na capital e no interior


PESQUISA (JC pág. 6)
Estudo do Cremesp desvenda o perfil do médico paulista


CIÊNCIA (JC pág. 7)
A partir deste mès, novo canal de informações científicas on line


ESPECIAL 2 (JC pág. 8)
Seminário realizado no Cremesp avalia a EC-29 e a manutenção da CPMF


ESPECIAL 3 (JC pág. 9)
Acompanhe as principais falas dos palestrantes do seminário sobre o SUS


GERAL 1 (JC pág. 10)
Peter Rost fala com exclusividade sobre as relações entre a indústria farmacêutica e a Medicina


ENSINO MÉDICO (pág. 11)
Cremesp realiza a segunda fase de seu Exame para graduandos em Medicina


GERAL 2 (JC pág.12)
Samaritano sela acordo inédito com base no Rol de Procedimentos Médicos


GERAL 3 (JC pág.13)
Conselho Federal de Medicina, Dia do Médico e Mobilização Nacional Pró-SUS


ALERTA ÉTICO (JC pág. 14)
Como lidar com paciente com definição sexual ambígua?


GERAL 4 (JC pág.15)
Cuidados Paliativos: simpósio internacional acontece dia 14/11


HISTÓRIA (JC pág. 16)
Hospital Santa Marcelina: cerca de 10 mil pessoas circulam diariamente pela instituição


GALERIA DE FOTOS



Edição 242 - 10/2007

EDITORIAL (JC pág. 2)

Cremesp questiona ranking dos melhores médicos divulgado pela mídia


Os melhores médicos de São Paulo

Divulgação de ranking dos melhores médicos é questionável e oculta os verdadeiros objetivos dos veículos de comunicação


O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo discorda das iniciativas de meios de comunicação, de empresas privadas e de outras instituições que insistem em divulgar, com base em supostas pesquisas de opinião ou escolhas aleatórias, listas ou ranking dos melhores profissionais ou melhores estabelecimentos de saúde.

Geralmente destinadas a impulsionar tiragens de jornais e revistas, a vender espaços publicitários e agregar valor à marca dos promotores, tem sido comum a divulgação de matérias jornalísticas ou premiações que estabelecem, por  exemplo,  “os médicos que os médicos indicam”; “os médicos do ano”, “os melhores hospitais na opinião dos médicos” etc.

O Cremesp respeita profundamente os hospitais ou colegas médicos que são escolhidos como personagens dessas reportagens, pois realmente nos orgulham e enobrecem o exercício da Medicina em São Paulo e no Brasil. São instituições e pessoas de altíssima qualidade técnica e científica, detentores de  comportamento ético irrepreensível perante a classe médica e a sociedade.

Esse tipo de abordagem da mídia garante popularidade aos médicos mencionados, que pode ser seguida do angariamento de clientela diferenciada. Isso tem levado inúmeros colegas a questionarem o Cremesp se estaria aí caracterizado um problema ético.

A exposição pública, a partir dos critérios subjetivos e pouco claros de quem promove a escolha, não nos parece o meio mais adequado de aferir a excelência de uns em detrimento de outros.

Por isso, é pertinente que os colegas fiquem atentos aos reais propósitos dos meios de comunicação, sempre que procurados para relatar os êxitos e méritos de sua prática profissional.

O Cremesp não pode deixar de ressaltar que no Estado de São Paulo atuam mais de noventa mil médicos que, assim como os “eleitos” pela mídia, detêm qualidades, quer do ponto de vista médico-científico, quer do ponto de vista ético e moral.  

Queremos, portanto, resgatar o mérito daqueles que, mesmo no anonimato, têm a mesma capacidade e o mesmo valor dos professores, dos titulados e  daqueles que assistem pacientes ilustres e famosos, conforme a imprensa faz questão de enfatizar como indicador de sucesso profissional.

Recentemente o Cremesp iniciou a divulgação de uma série de estudos que traçam o perfil dos médicos paulistas. No primeiro deles, sobre o resultado de denúncias e processos contra os profissionais, menos de dois por cento dos médicos do Estado receberam nos últimos sete anos algum tipo de punição do Conselho devido a mau comportamento no exercício da Medicina.

A esmagadora maioria dos médicos é composta por homens e mulheres que, apesar das dificuldades e limitações hoje impostas aos profissionais, sacrificaram parte de sua juventude no aprendizado da Medicina e depois passaram a dedicar o melhor de si.

O reconhecimento a eles é silencioso e cotidiano, resplandece no muito obrigado de cada paciente atendido, após cada sofrimento aliviado, cada doença prevenida ou curada, cada vida salva ou preservada. Não é por acaso que pesquisas de opinião apontam que, entre as diversas profissões, os médicos gozam da maior credibilidade junto à população.

Em outro estudo inédito, o Cremesp constatou que os médicos têm formação deficitária, jornada de trabalho excessiva (52 horas semanais em média) e precisam de múltiplos empregos para sobreviver, convivendo com péssimas condições de trabalho e remuneração. Esses milhares de doutores e doutoras não integram a “elite da Medicina”, conforme descrito pela mídia, não estarão nas próximas listas dos “melhores”, mas acima de tudo exercem com dignidade, competência e ética a profissão que escolheram. 

Queremos cumprimentar e homenagear todos os colegas do Estado de São Paulo, anônimos ou não, que fazem de sua profissão um verdadeiro sacerdócio. Para o Cremesp, vocês também são os melhores médicos de São Paulo.


Henrique Carlos Gonçalves
Presidente do Cremesp


Este conteúdo teve 55 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2019 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 244 usuários on-line - 55
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior