PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL
Escolas de Medicina. Formar mais ou formar melhor?


ATIVIDADES DO CONSELHO 1
Julho: eleição de representantes para o Conselho Federal de Medicina


ATIVIDADES DO CONSELHO 2
Destaques: atuação do Cremesp em Barretos; a criação de cooperativa de anestesiologistas e Curso de Ética em Jundiaí


ATIVIDADES DO CONSELHO 3
Novos serviços, layout e conteúdo do site do Cremesp


CLASSE MÉDICA EM MOVIMENTO 1
Reajuste recorde dos Planos de Saúde torna justo repasse aos honorários médicos


CLASSE MÉDICA EM MOVIMENTO 2
Médicos pressionam operadoras de saúde por todo o país


ESPECIAL: CAMPANHAS DO CREMESP 1
Campanha "Beba Cidadania": entidades podem aderir ao movimento por e-mail


ESPECIAL: CAMPANHAS DO CREMESP 2
Proibição de novos Cursos de Medicina: MEC suspende abertura por mais 180 dias


PESQUISA
A descentralização da ciência: O Brasil prepara a construção do primeiro Instituto


ALERTA CIENTÍFICO
A cocaína é responsável por 25% dos casos de IAM em pacientes entre 18 e 45 anos


SERVIÇO
Veja como funciona o CEARAS - Centro de Estudos e Atendimento Relativos ao Abuso Sexual


AGENDA
Simpósio discute Economia e Saúde; APM em Amparo comemora 25 anos e a oficina de Bioética no Incor, são os destaques


ALERTA ÉTICO
Alerta Ético, Editais e Convocações


PARECER
Envio de prontuários para auditoria em operadoras de planos de saúde


HISTÓRIA
Dr. Bussâmara Neme e Dr. Luiz Camano: depoimentos de vida emocionantes


GALERIA DE FOTOS



Edição 201 - 05/2004

ATIVIDADES DO CONSELHO 2

Destaques: atuação do Cremesp em Barretos; a criação de cooperativa de anestesiologistas e Curso de Ética em Jundiaí


Cremesp reforça atuação em Barretos

Visando a resolução de problemas entre os médicos e o provedor da Santa Casa de Barretos, no interior paulista, foi realizada uma reunião entre os profissionais e representantes do Cremesp na delegacia regional da entidade na cidade, dia 29 de abril.

Participaram da reunião o presidente do Cremesp, Clóvis Francisco Constantino; os diretores Krikor Boyaciyan, Renato Ferreira da Silva e Pedro Henrique Silveira; o delegado do Cremesp em Barretos Carlos Marcelo Santiago; além dos delegados em São José do Rio Preto José Eduardo Pereira e Paula Fialho Salgado; o presidente da APM local e médico da Santa Casa, Ally Alahmar Filho; o presidente e membros da Comissão de Ética Médica do hospital, Fauze José Daher, Giani Maria Rosa e Nelson Filho, respectivamente; e os médicos da Santa Casa de Barretos Ademir Jorge e José Alves Lints.

No mesmo dia, o presidente Clóvis Constantino proferiu palestra na Associação Paulista de Medicina (APM) de Barretos sobre o tema “Ato Médico”, com a presença de lideranças médicas da região.

Bireme:
Bibliografias em saúde estão disponíveis na Internet


Com 6 mil títulos na base de dados, 540 bibliotecas participantes e 60 mil usuários cadastros no site http://www.bireme.br , o  Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (Bireme) desenvolveu a Biblioteca Virtual em Saúde (BVS).

A consulta à base de dados, bibliografias e bibliotecas especializadas em saúde pode ser feita pelo site da Bireme por qualquer pessoa que tenha acesso à Internet. Alguns textos estão disponíveis na integra em versão on-line. Caso o material não esteja disponível basta que o usuário se cadastre e solicite fotocópias do material através do sistema SCAD.
O SCAD é um serviço pago e a tabela com os valores e as formas de envio do material pode ser consultada no site.

Algumas instituições como o Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) cooperam com a alimentação da base de dados da BVS disponibilizando suas publicações para consulta.

Por meio da Bireme, o usuário pode ter acesso a bases de dados como a Lilacs – Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde  – que possui 342 mil bibliografias registradas e 670 revistas científicas de 18 países.

Também é disponibilizada a consulta à base Scielo – Scientific Electronic Library Online – que traz artigos de texto completo de 121 revistas científicas. Há também literatura internacional na área biomédica, história da saúde pública, legislação básica da área, saúde na adolescência, entre outros assuntos. O site dá acesso ainda à Biblioteca Cochrane, uma coleção de fontes de informação atualizada trimestralmente sobre medicina baseada em evidências.

Além de atender a demanda de informação técnica científica, a Bireme tem como intuito promover a cooperação e a disseminação das informações entre os países da América Latina e do Caribe.
Pertencente à Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), a Bireme está no Brasil desde 1967 e conta com a colaboração do Ministério da Saúde, Ministério da Educação, Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo e Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Anestesiologistas criam cooperativa

Os médicos anestesiologistas de São Paulo constituíram sua própria cooperativa, a Coopanest, no dia 17 de maio de 2004, durante assembléia na sede da SAESP (Sociedade de Anestesiologia do Estado de São Paulo). A Cooperativa visa a prestação de serviços médicos em anestesia, através de contratos firmados com órgãos públicos e entidades privadas a serem executados por seus associados, coletiva ou individualmente. “ Nossa meta é facilitar o trabalho dos colegas, agilizar a cobrança dos honorários e solucionar as questões burocráticas, como pagamento de impostos e taxas. Com isso, o médico estará liberado para se dedicar mais ao seu exercício profissional, afirma João Eduardo Charles, que está à frente da primeira Diretoria da Cooperativa. Para mais informações sobre a Coopanest: (11) 3673.1388, ramal 104.

Conselho fiscaliza Santa Casa de Ourinhos

Por iniciativa do conselheiro Alfredo Rafael Dell´Aringa, o Cremesp realizou uma visita de fiscalização na Santa Casa de Ourinhos, interior paulista, dia 5 de abril, para verificar a possível existência de problemas na instituição.

Na ocasião, com a presença de representantes dos departamentos Jurídico e de Fiscalização do Cremesp, foram comprovadas as reclamações dos médicos sobre as condições impróprias para o exercício da medicina no hospital.

Até o fechamento desta edição do Jornal do Cremesp, estavam agendadas reuniões com as comissões permanentes e corpo clínico da entidade (no dia 24 de maio) e com o interventor da Santa Casa de Ourinhos, o prefeito, o promotor de Justiça e Vigilância Sanitária da cidade (dia 25 de maio), visando a resolução do impasse.

Curso de Ética em Jundiaí

O Cremesp, em parceria com o Hospital de Caridade São Vicente de Paula, desenvolverá um programa de cursos de Ética, em Jundiaí, entre os dias 14 e 18 de junho. As palestras serão ministradas pelos conselheiros do Cremesp Desiré Carlos Callegari, José Henrique  Andrade Vila, Maria do Patrocínio Nunes (Patrô) e pelo advogado do Conselho Osvaldo Pires Simonelli

O curso será realizado no anfiteatro Vasco Antonio Venchiarutti, do Hospital Universitário de Jundiaí, na Praça da Rotatória. Com início sempre às 19:30, cada palestra terá uma hora de duração, com trinta minutos para debates.

Veja, a seguir, o programa do curso:
               
14/06 –  “Conceito de Ética, em particular ética médica”, por José Henrique Andrade Vila
16/06 – “Aspectos jurídicos da prática médica”, por Osvaldo Pires Simonelli
17/06 – “A importância do Prontuário Médico Bem elaborado”, por Desiré Carlos Callegari
18/06 – “A importância da boa formação profissional para uma prática médica ética”, por Maria do Patrocínio Nunes

Tabaco
Brasil pode aumentar o controle

A Câmara dos Deputados aprovou, no dia 13 de maio, a Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco. Trata-se de um conjunto de normas para coibir o uso e o comércio de produtos fumígeros, que conta com o apoio de entidades, como as sociedades brasileira e paulista de Oncologia Clínica e a I Conferência Latino-Americana de Câncer do Pulmão. Em junho de 2004, o documento deve ser apreciada pelo Senado Federal. Assinado por 192 países-membros da Organização Mundial de Saúde o tratado precisa ser ratificado, em forma de lei, por pelo menos 40 países. Por enquanto, apenas onze o fizeram.

Ribeirão faz restrições
A cidade de Ribeirão Preto proibiu o fumo em locais fechados de uso coletivo. A decisão – Lei Municipal nº 10.016, de 9 de março – fica valendo para todos os “estabelecimentos públicos, privados e de economia mista”.

O texto da lei especifica a proibição de fumar cigarros, cigarrilhas, charutos e outros produtos derivados do tabaco e congêneres nesses locais, que também abrangem “supermercados, lojas, restaurantes, shoppings, igrejas, bares, bingos, padarias, teatros, cinemas, escolas, hotéis, clubes recreativos, casas de diversão, hospitais, escritórios, elevadores, bibliotecas, indústrias, edifícios e demais recintos de trabalho coletivo”.

Há, ainda, a exigência da colocação de avisos explicativos a respeito da proibição, em locais de fácil visualização. O fumante infrator está sujeito a pagar o valor de R$ 240,00, podendo ter isso duplicado em caso de reincidência.


Este conteúdo teve 1919 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2019 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 264 usuários on-line - 1919
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior