PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

PÁGINA 3
Editorial


PÁGINA 4 E 5
Ensino Médico


PÁGINA 6
Remuneração médica


PÁGINA 7
Entrevista Ederli Grimaldi de Carvalho


PÁGINA 8 e 9
Ressonância


PÁGINA 10
Agenda da presidência


PÁGINA 11
Instituição de Saúde/Hospital das Clínicas da Unicamp


PÁGINA 12
Eu, médico


PÁGINA 13
Especialidades


PÁGINA 14
Convocações


PÁGINA 15
Bioética


PÁGINA 16
São Paulo


GALERIA DE FOTOS



Edição 357 - 04/2018

PÁGINA 8 e 9

Ressonância


Simpósio discute readequação do ensino médico

  

Em parceria com o Instituto de Ensino Sírio-Libanês, o Cremesp participou da promoção do Simpósio Internacional de Qualificação Médica 2018, que teve a presença do National Board of Medical Examiners (NBME), dos Estados Unidos. Realizado em 3 de abril, o evento discutiu ações de melhorias no ensino médico. A necessidade de readequações nas grades curriculares e de maior capacitação do corpo docente foram alguns dos tópicos debatidos. O presidente do Cremesp, Lavínio Nilton Camarim, participou da cerimônia de abertura ao lado de Luiz Fernando Reis, diretor de pesquisa do Hospital Sírio-Libanês, e Peter Katsufrakis, presidente do NMBE. Camarim falou sobre a necessidade de reavaliação da abertura de novas escolas médicas no Brasil e da qualificação da formação em Medicina.

O primeiro secretário do Cremesp, Bráulio Luna Filho, discorreu sobre a importância
de estimular a cultura de avaliação no ensino médico do País – como o Programa Avaliação Periódica do Ensino Médico (Apem), desenvolvido pelo Conselho, em parceria com o Sírio e o NBME. A Apem é aplicada aos estudantes do 3º e do 5º ano de Medicina. A palestra do diretor do curso de Medicina da Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho, Nuno Carvalho de Sousa, em Portugal, foi um dos destaques internacionais do evento, que contou com estudantes, docentes e membros
da diretoria de escolas médicas na plateia.


Medicinas e Odontologia

Conselhos discutem infrações éticas na área de estética

A publicidade e as infrações éticas relacionadas ao trabalho de médicos e cirurgiões-dentistas, especialmente na área de estética, foram a tônica de encontro entre o presidente do Cremesp, Lavínio Nilton Camarim, e o presidente do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (Crosp), Claudio Yukio Miyake. A reunião, realizada em
28 de março, na sede do Cremesp, teve, também, a participação do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil-Seccional São Paulo (OABSP), Marcos da Costa, entre outros presentes. “Ficou claro que os dois Conselhos estão procurando o entendimento em benefício das profissões, sempre em defesa da ética, da saúde
e do melhor atendimento à população”, destacou Camarim.


Bolsas de estudo

Distanásia e judicialização da saúde estão entre os temas finalistas

Os três trabalhos que obtiveram melhor resultado – dentre os 19 estudantes contemplados em 2017 pelo Programa de Bolsas de Pesquisas do Centro de Bioética do Cremesp – abordaram os temas distanásia, judicialização da Saúde e conflitos éticos da profissão. “Este incentivo é importante para conseguirmos manter a qualidade do ensino”, disse o presidente Lavínio Nilton Camarim, durante a apresentação dos três finalistas, na plenária de conselheiros do Cremesp, em 3 de abril. Foram eles: Julia Messina Gonzaga Ferreira, da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); Karoliny Lima Lopes de Souza, da Faculdade de Ciências da Saúde de Barretos; e Gabriel Vergili Sgarbosa, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMUSP).Vigente desde 2001, o programa destina-se a alunos do 2º ao 5º ano de Medicina de todas as faculdades do Estado de São Paulo.

 


Violência contra profissionais da saúde

O Cremesp sediou uma reunião para discutir estratégias de aprovação do Projeto de Lei nº 6.749/2016, que agrava a pena de crimes de lesão corporal, contra a honra, ameaça e desacato cometidos contra médicos e demais profissionais da saúde no exercício de sua profissão. Participaram do encontro o presidente do Cremesp, Lavínio Nilton Camarim; a 1ª secretária do Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren-SP), Eduarda Ribeiro dos Santos; o presidente da Associação de Médicos Maçons (Amem), Alfredo Roberto Netto; além do autor do PL, o deputado Antonio Goulart dos Reis. “O Cremesp está empenhado na aprovação do PL, pois entende que a agressão aos médicos e demais profissionais da saúde precisa de um basta”, ressaltou Camarim.


Estudantes de Medicina

Código de Ética é entregue em Franca e Bauru

Para levar aos estudantes os príncipios que norteiam a profissão, o presidente do Cremesp, Lavínio Nilton Camarim, entregou, em 26 de março, exemplares do Código de Ética do Estudante de Medicina aos alunos da Universidade de Franca (Unifran) e do Centro Universitário Municipal de Franca (Uni-Facef). Também recebeu o CEEM a primeira turma da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) de Bauru, pelas mãos do conselheiro do Cremesp, Carlos Alberto Monte Gobbo, e do delegado regional Fábio Sgarbosa, em 5 de abril.
O Cremesp está realizando a entrega do Código nas demais faculdades públicas e privadas do Estado de São Paulo.


Nova Publicação

Ética e HIV/Aids

O lançamento do mais recente livro do Cremesp, Ética e HIV/Aids – Uma epidemia que se sustenta, aconteceu em 13 de abril, na sede do Conselho. A obra aborda dúvidas e conflitos que surgiram no exercício da Medicina e os novos desafios para a prática médica. O evento teve a participação de Lavínio Nilton Camarim, presidente do Cremesp; Renato Françoso Filho, vice-presidente; Bráulio Luna Filho, primeiro secretário; Reinaldo Ayer de Oliveira, coordenador do Centro de Bioética do Cremesp e um dos organizadores do livro; Marcos Boulos, conselheiro e diretor da Divisão da Clínica de Moléstias Infecciosas e Parasitárias do Hospital das Clínicas da
FMUSP; Sara Romero da Silva, da Vigilância Epidemiológica do Programa Estadual de DST/AIDS; Maria Clara Gianna, diretora do Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS; e Rosa de Alencar Souza, coordenadoraadjunta do Programa Estadual de
DST/Aids. A publicação também motivou um debate sobre o tema, com a participação dos autores e do presidente do Cremesp, em 17 de abril, na Secretaria Estadual da Saúde.


Medicina do Trabalho

O que deve mudar após 20 anos da normatização?

O Cremesp e a Associação Nacional de Medicina do Trabalho (Anamt) promoveram
um debate para discutir o tema Resolução CFM nº 1488/1998: 20 anos depois, o que deve avançar e o que deve ser preservado? O debate foi conduzido pela presidente da Anamt, Marcia Bandini e contou com a participação do presidente do Cremesp, Lavínio
Nilton Camarim; do vicecorregedor, Aizenaque Grimaldi de Carvalho; do presidente da Associação Brasileira de Medicina Legal e Perícias Médicas (ABMLPM), Enrico Supino; da médica sanitarista e pesquisadora Maria Maeno; e da integrante do conselho consultivo da Sociedade Brasileira de Bioética, Regina Parizi Carvalho, entre outros.


Programa pioneiro

Estudantes da FMUSP visitam Cremesp

Numa iniciativa pioneira e com o objetivo de aproximar os futuros médicos, o Cremesp
promoveu, na sua sede, a primeira edição do programa Aula Interativa e Visita Guiada,
nos dias 4 e 6 de abril, dirigido a estudantes de Medicina. Cerca de 180 alunos do 3º ano da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) participaram das visitas, monitoradas pelo diretor de Comunicação do Cremesp, Antonio Pereira Filho e pelo coordenador do Centro de Bioética do Cremesp, Reinaldo Ayer de Oliveira. Os alunos também tiveram um encontro com o presidente Lavínio Nilton Camarim; o 1º secretário, Bráulio Luna Fillho; e o 1º tesoureiro, João Márcio Garcia. “Apesar do desafio constante, vocês estão entrando em uma profissão maravilhosa e gratificante. E o Conselho estará sempre de portas abertas para vocês”, destacou Camarim.


Revisão do Código de Ética

São Paulo apresentou mais propostas

A II Conferência Nacional de Revisão do Código de Ética Médica, reuniu representantes
dos Conselhos de Medicina do País, em 11 e 12 de abril, em Brasília (DF), para discutir
as propostas enviadas. Até o momento, São Paulo foi o Estado que apresentou o maior número de propostas, com 426 sugestões, seguido de Minas Gerais, com 200. Os grupos de trabalho contaram com a participação do presidente do Cremesp, Lavínio
Nilton Camarim, do vicepresidente, Renato Françoso Filho e do corregedor, Krikor
Boyaciyan, entre outros. “A revisão do CEM é necessária para garantir as boas práticas
da Medicina e a segurança do paciente”, ressaltou Camarim.


Campinas

Conselho fará estudo sobre óbitos em hospital

A pedido do Ministério Público, o Cremesp realizará um estudo sobre as mortes
ocorridas no Hospital Municipal Ouro Verde de Campinas, de 2008 a 2016. A solicitação tem por base óbitos de pacientes que seriam decorrentes da ausência de estrutura adequada, incluindo pessoal e material. De acordo com vistoria feita pelo Cremesp,
em fevereiro deste ano, apesar da intervenção da prefeitura, persistem irregularidades como sobrecarga de trabalho, falta de material e equipamentos com defeitos.


Nota pública

SUS deve ser fortalecido

O Cremesp divulgou nota pública, no dia 18 de abril, conclamando todas as entidades
médicas a se unirem em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), contra a proposta
da Federação Brasileira de Planos de Saúde (Febraplan), de construção de um “novo”
sistema nacional de saúde, a partir de planos privados e seguradoras.

O Conselho não compactua com quaisquer propostas que possam afetar a função e a
importância do SUS para a população, como garantia de que a saúde é direito de todos
e dever do Estado, assegurado pela Constituição Federal.

Para o Cremesp, o fortalecimento do SUS requer o aumento e aplicação adequada
de recursos, além da promoção de políticas públicas de saúde que aprimorem a rede
de atendimento.

 


Este conteúdo teve 520 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

Delegacia da Vila Mariana:
Rua Domingos de Moraes, 2187 - cj. 223 - Edifício Xangai
Vila Mariana – São Paulo/SP - CEP 04035-000

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS

CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2018 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 204 usuários on-line - 520
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior