PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL (pág. 2)
Bráulio Luna Filho - Presidente do Cremesp


ENTREVISTA (pág. 3)
Marcos Boulos


PARTOS (pág. 4)
Boas práticas obstétricas


QUADRO DA SAÚDE (pág. 5)
Plano de Carreira em São Paulo


ÓRTESES E PRÓTESES (pág.6)
Utilização indevida de materiais


SAÚDE PÚBLICA (pág.7)
Crise na Santa Casa


EXAME DO CREMESP (págs. 8 a 9)
Avaliação de recém-formados


POLÍTICA (pág. 10)
Médicos eleitos


NOVA DIRETORIA (pág. 11)
Posse em sessão solene


JOVENS MÉDICOS (pág. 12)
Recomendações ao médico


EU, MÉDICO (pág. 13)
Medicina Superação


ANUIDADE 2015 (pág. 14)
Período de desconto


BIOÉTICA (pág. 15)
Decisões na adolescência


GALERIA DE FOTOS



Edição 322 - 01-02/2015

POLÍTICA (pág. 10)

Médicos eleitos


Categoria médica perde representatividade na Alesp e na Câmara dos Deputados

 

Dos deputados eleitos no pleito do ano passado, teremos seis médicos deputados estaduais e apenas três federais
 


Em Brasília, foram empossados os médicos Arlindo Chinaglia (PT), Sinval Malheiros (PV) e Vitor Lippi (PSDB)


A categoria dos médicos perde representatividade na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), contando apenas com seis deputados estaduais médicos eleitos. Os atuais representantes da categoria são: Antonio Salim Curiati (PP), Carlos Bezerra Junior (PSDB), Celso Giglio (PSDB), Jooji Hato (PMDB), Luiz Carlos Gondim (SDD) e Pedro Tobias (PSDB), todos reeleitos para o novo mandato. Deixaram a Casa: Carlos Neder (PT), que atuava como suplente em exercício desde 2013, e Ulysses Tassinari (PV).

 

Federais

Na Câmara dos Deputados, em Brasília, a redução do número de médicos paulistas na bancada é ainda maior. O único médico reeleito por São Paulo foi Arlindo Chinaglia (PT), que se une a Sinval Malheiros (PV) e o ex-prefeito de Sorocaba, Vitor Lippi (PSDB).

Anteriormente, a Câmara também contava com Cândido Vaccarezza (PT), Eleuses Paiva (PSD) – suplente que estava em exercício desde 2011 –, Marco Aurelio Ubiali (PSB) e Wil­liam Dib (PSDB).

Esse novo quadro é resultado das últimas eleições realizadas em outubro de 2014. Os deputados foram empossados em fevereiro desse ano.

 

Senado

Já no Senado, estavam na casa - eleitos em 2010 para o mandato 2011-2019 - Eduar­do Amorim (PSC/SE), Humberto Cos­ta e Waldemir Moka. Nas elei­­ções de 2014, foram eleitos Otto Alencar (PSD/BA) e Ronaldo Caiado (DEM/GO) para a gestão 2015-2023, totalizando cinco senadores médicos em exercício.
 

 


Consulta

O médico é obrigado a ser supervisor ou tutor do Mais Médicos?

 

Parecer nº 283/2014 do Cremesp reitera que os médicos concursados da rede básica (direta ou indireta) não estão obrigados, pela Constituição Federal (CF), a serem supervisores ou tutores acadêmicos dos médicos participantes do programa Mais Médicos para o Brasil. E nem mesmo a prestar apoio técnico-pedagógico, com o compartilhamento de consultas.

O Mais Médicos foi instituído com base na lei federal nº 12.871/13, que criou os dois cargos.

Dessa forma, cabe à Secretaria Minicipal da Saúde tomar providências para suprir as faltas com a contratação de profissionais aptos a esta função e não realizar o remanejamento dos profissionais para estes cargos.

Para o Cremesp, o desvio de cargo afronta o princípio da legalidade, disposto no inc. 11 do art. 5º, da CF, que determina: “ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei”.

 


Virada da Saúde

Médicos podem ser voluntários no evento que acontecerá em abril

 

A cidade de São Paulo receberá a primeira edição da Virada da Saúde, de 7 a 12 de abril, em comemoração ao Dia Mundial da Saúde. O evento acontecerá em diversos espaços da capital, com atividades gratuitas para a população envolvendo o conceito de “saúde pública, o viver nas cidades e o desafio da saúde do homem urbano”.

Promovida pelo Instituto Saúde e Sustentabilidade, a 1ª Virada da Saúde trabalhará com os seguintes eixos: o Médico-Assistencial, com mutirões assistenciais de prevenção, diagnóstico e tratamento; o Bem Estar, com atividades de esporte, lazer e nutrição; a Educação, por meio de palestras, bate-papos, painéis e jogos; e a Cultura, com exposições, teatro, filme e intervenções artísticas sobre o tema.

Os médicos podem colaborar ministrando palestras sobre saúde da mulher, acessibilidade ao SUS, obesidade, DST e gravidez na adolescência, além de atender na Carreira Itinerante, que tem como objetivo detectar casos novos de Hanseníase, e participar do mutirão de atendimento oftalmológico na Casa do Idoso.

As inscrições devem ser realizadas até 15 de março, através do email: voluntariado@viradada saude. org.br

Outra forma de colaboração é a doação de horas para atendimento médico em seus consultórios, em parceria com o Horas da Vida (www.horasdavida.org.br). Para inscrição, nesse caso, os médicos precisam se cadastrar por email: contato@horasdavida.org.br, informando seu CRM, endereço do consultório, telefone fixo e celular, email do médico e especialização.


Este conteúdo teve 1522 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

Delegacia da Vila Mariana:
Rua Domingos de Moraes, 2187 - cj. 223 - Edifício Xangai
Vila Mariana – São Paulo/SP - CEP 04035-000

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2019 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 439 usuários on-line - 1522
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior